Planilhas de Importação

O processo de importação deve ser realizado com absoluto cuidado e de preferência pelo analista de implantação ou usuário-chave da empresa, que conheça o modelo da gravação dos dados do ERPFlex. Leia com atenção as orientações a seguir.

Clique nos links abaixo para obter os modelos e documentos de apoio.

Observações:

  1. Antes de preparar a planilha, leia com atenção o documento de Legendas que orienta seu preenchimento.
  2. O nome das colunas na planilha não podem conter caracteres especiais.
  3. Antes de importar os clientes e fornecedores, elimine duplos espaços da coluna de Nome. Para isso, utilize o recurso de Localizar e Substituir do Excel, trocando 2 espaços por 1, até que não se acuse mais nenhuma ocorrência.
    Isso permitirá realizar uma nova importação para atualizar dados de clientes e fornecedores, caso necessário.
  4. Muita atenção na preparação da planilha em relação aos campos com números de documentos como CPF/CNPJ, Inscrições Estadual e Municipal, RG, além do campo CEP. Estes devem ser importados, mantendo os zeros à esquerda e sem caracteres separadores.
  5. A rotina de importação valida a duplicidade de CPF/CNPJ por nome de cliente/fornecedores,  não permitindo importar se o CPF/CNPJ já estiver cadastrado para outro nome.
  6. Se as bases estiverem compartilhadas, permitindo que o cliente/fornecedor seja cadastrado em qualquer uma delas, não é recomendável realizar atualização de clientes/fornecedores via planilha de importação. Uma vez que a rotina de importação, se baseia no ID da empresa para atualizar. Caso ela não localize o cliente/fornecedor na base da empresa que o processamento da importação está sendo realizado, será incluído um novo registro.
  7. Não é preciso preparar a planilha com todos os campos, porém devem ser mantidos os campos obrigatórios sinalizados com *.
  8. Sempre utilize o ambiente de testes para simular a importação (https://implantacao.erpflex.com.br/).
  9. Realize uma simulação com apenas 5 registros, antes de importar efetivamente. Caso ocorra algum erro, ficará mais fácil a exclusão e correção.

Realizando a importação de clientes/fornecedores

  1. Em Miscelânea > Ferramentas Suporte > Importação de Dados, selecione Clientes/Fornecedores;
  2. Marque a opção Clientes/Fornecedores e clique em Avançar;
    importa_01
  3. Marque a caixa Primeira Linha do Arquivo contém título das colunas.
    importa_cliente_02
  4. Clique no botão Selecionar e localize o arquivo csv para importar.
    Será exibida a tela para relacionamento das colunas da planilha e os campos do ERPFlex.
  5. Clique nos títulos das colunas para associar aos campos do ERPFlex.
    importa_02
  6. Os campos sinalizados com * são obrigatórios, portanto, devem constar na planilha a ser importada.
    importa_03
  7. Após associar todos os campos corretamente, será liberado o botão Avançar.
    importa_04
  8. Finalizada a operação, o ERPFlex informará se a importação foi realizada com sucesso ou se ocorreu algum problema.
    importa_05
  9. Acesse a tela de Clientes ou Fornecedores para visualizar os registros importados.

O processo de importação deve ser realizado com absoluto cuidado e de preferência pelo analista de implantação ou usuário-chave da empresa, que conheça o modelo da gravação dos dados do ERPFlex. Leia com atenção as orientações a seguir.

Clique nos links abaixo para obter os modelos e documentos de apoio.

Observações:

  1. É muito importante ler com atenção o documento que orienta o preenchimento das planilhas.
  2. O nome das colunas na planilha não podem conter caracteres especiais.
  3. Antes de importar os produtos e serviços, elimine duplos espaços da coluna de Descrição. Para isso, utilize o recurso de Localizar e Substituir do Excel, trocando 2 espaços por 1, até que o Excel não acuse mais nenhuma ocorrência.
    Isso permitirá realizar uma nova importação para atualizar dados de produtos.
  4. Por padrão, o campo chave para atualização de produtos é a Descrição. Porém, se necessário, é possível mudar para o campo Código. Para isso, dois parâmetros precisam ser ajustados:
    • Valida Duplicidade de Cadastro do Código e Código EAN na variante (Parâmetros > Produtos > Parâmetros Gerais) – deve ser configurado com Sim;
    • Permite Duplicidade no cadastramento da descrição do produto/serviço (Parâmetros > Produtos > Parâmetros Gerais) – deve ser configurado com Sim.
  5. Não é preciso preparar a planilha com todos os campos, porém devem ser mantidos os campos obrigatórios sinalizados com *.
  6. Sempre utilize o ambiente de testes para simular a importação (https://implantacao.erpflex.com.br/)
  7. Realize uma simulação com apenas 5 registros, antes de importar efetivamente. Caso ocorra algum erro, ficará mais fácil a exclusão e correção.

Realizando a importação de produtos/serviços

  1. Acesse Miscelânea > Ferramentas Suporte > Importação de Dados.
  2. Marque a opção Produtos/Serviços.
    importa_produto1
  3. Marque a caixa Primeira Linha do Arquivo contém título das colunas.
  4. Clique no botão Selecionar e localize o arquivo csv para importar.
    importa_produto2
    Será exibida a tela para relacionamento das colunas da planilha e os campos do ERPFlex.
  5. Clique nos títulos das colunas para associar aos campos do ERPFlex.
    importa_produto3
  6. Os campos sinalizados com * são obrigatórios, portanto, devem constar na planilha a ser importada.
    importa_produto4
  7. Após associar todos os campos corretamente, será liberado o botão Avançar.
    importa_produto5
  8. Finalizada a operação, o ERPFlex informará se a importação foi realizada com sucesso ou se ocorreu algum problema.
  9. Acesse a tela de Produtos ou Serviços para visualizar os registros importados.

O processo de importação deve ser realizado com absoluto cuidado e de preferência pelo analista de implantação ou usuário-chave da empresa, que conheça o modelo da gravação dos dados do ERPFlex. Leia com atenção as orientações a seguir.

Clique nos links abaixo para obter os modelos e documentos de apoio.

Veja a seguir o passo a passo para importar receitas/despesas:

O processo de importação de receitas / despesas envolve a preparação das seguintes planilhas:

  1. Planilha de Clientes ou Fornecedores – com dados dos novos clientes ou fornecedores, vinculados aos movimentos que serão importados;
  2. Planilha de Receitas ou Despesas – Importante: para correta importação todas as colunas da planilha devem ser mantidas.
  3. Planilha de Parcelas do Recebimento ou Pagamento – Importante: para correta importação todas as colunas da planilha devem ser mantidas.

Observações:

  1. É muito importante ler com atenção o documento que orienta o preenchimento das planilhas.
  2. Sempre utilize o ambiente de testes para simular a importação. (https://implantacao.erpflex.com.br/)
  3. Realize uma simulação com apenas 5 registros, antes de importar efetivamente. Caso ocorra algum erro, ficará mais fácil a exclusão e correção.
  4. Logo após o relacionamento dos campos da planilha de receitas/despesas, o assistente de importação solicitará o upload da planilha de parcelas.

Realizando a importação de Receitas/Despesas:

  1. Selecione a opção Miscelânea > Ferramentas de Suporte > Importação de Dados;imp_rec_01
  2. Marque o botão de Receita ou Despesa conforme o tipo de movimento que deseja importar e clique no botão Avançar.
  3. Marque a caixa Primeira Linha do Arquivo contém o título das colunas.imp_rec_02
  4. Clique no botão Selecionar para localizar a planilha csv para importar e, em seguida, clique no botão Avançar.imp_rec_03
  5. Clique nos títulos das colunas para associar aos campos do ERPFlex. Os campos sinalizados com * são obrigatórios, portanto, devem constar na planilha a ser importada.imp_rec_04
  6. Após associar todos os campos corretamente, será liberado o botão Avançar.imp_rec_05
  7. Em seguida, será reapresentada a tela para upload de planilha. Agora, você deve selecionar a planilha para importação das parcelas.imp_rec_06
  8. Após a seleção da planilha de parcelas, associe as colunas aos campos do ERPFlex.
    imp_rec_07
  9. Finalizada a operação, o ERPFlex informará se a importação foi realizada com sucesso ou se ocorreu algum problema.imp_rec_08
  10. Acesse a tela de Faturamento ou Compras para visualizar os lançamentos importados.imp_rec_09

O processo de importação deve ser realizado com absoluto cuidado e de preferência pelo analista de implantação ou usuário-chave da empresa, que conheça o modelo da gravação dos dados do ERPFlex. Leia com atenção as orientações a seguir.

A importação dos saldos iniciais do estoque exige que os produtos já estejam importados ou cadastrados, pois o próprio ERPFlex gera a planilha para importação formatada com os produtos cadastrados. É importante manter a identificação do produto, conforme a planilha foi gerada.

Observações:

  1. Se a empresa utilizar variantes, após importar o produto,  é necessário adicionar manualmente os itens das variantes, antes de gerar a planilha para importação dos saldos.
  2. Se a empresa utilizar variantes, pode utilizar a planilha de saldos para importar o código do produto e o código EAN nas variantes. O sistema fará a atualização com base na descrição do produto e ID da variante.
  3. Se as bases estiverem compartilhadas e a tabela de preço for definida pela matriz, ao importar a planilha de saldos nas filiais, NÃO marque a coluna PREÇO para importação.
  4. O saldo em estoque é composto por quantidade e valor. Portanto, essas informações são primordiais para a integridade do controle do estoque.
  5. Na coluna Valor informe o custo total do estoque atual. O custo unitário será calculado internamente pelo sistema.
  6. Sempre utilize o ambiente de testes para simular a importação (https://implantacao.erpflex.com.br/).
  7. Realize uma simulação com apenas 5 registros, antes de importar efetivamente. Caso ocorra algum erro, ficará mais fácil a exclusão e correção.

Gerando a planilha para importação do saldo inicial do estoque

  1. Em Miscelânea > Ferramentas Suporte > Importação de Dados, clique no botão Opções.
    importa_preco_01
  2. Clique no botão Gerar abaixo do titulo Planilha para atualização de tabelas de preços.
    importa_preco_11
  3. Se necessário, desmarque os tipos de produtos que não deseja gerar na planilha.
  4. Clique no botão Gerar para fazer o download da planilha.
    importa_preco_03

Importando a planilha de saldos

Após o preenchimento da planilha, realize a importação selecionando a opção correspondente na tela de Assistente de Importação de Dados.

  1. Acesse Miscelânea > Ferramentas Suporte > Importação de Dados
  2. Marque o botão de opção Saldos e clique em Avançar.
    importa_preco_12
  3. Marque a caixa Primeira linha do arquivo contém os títulos das colunas e, em seguida, clique no botão Selecionar e localize a planilha no formato CSV separado por vírgulas.importa_preco_10
    Será exibida uma nova janela para seleção das colunas para importação.
  4. Marque as colunas que devem ser atualizadas.
  5. Ao final do processo, será exibida a janela de conclusão.
    importa_preco_07.

O processo de importação deve ser realizado com absoluto cuidado e de preferência pelo analista de implantação ou usuário-chave da empresa, que conheça o modelo da gravação dos dados do ERPFlex. Leia com atenção as orientações a seguir.

A importação das tabelas de preços  exige que os produtos já estejam importados ou cadastrados, pois o próprio ERPFlex gera a planilha para importação formatada com os produtos cadastrados. É importante manter a identificação do produto, conforme a planilha foi gerada.

Observações:

  1. Se a empresa utilizar variantes, após importar os produtos, é necessário adicionar manualmente os itens das variantes, antes de gerar a planilha para importação das tabelas de preços.
  2. Se as bases estiverem compartilhadas e a tabela de preço for definida pela matriz, a importação da tabela de preços SOMENTE poderá ser realizada na base da matriz. NUNCA processar a importação nas filiais.
  3. Não é possível importar pela mesma planilha (ao mesmo tempo) a tabela de preços e o preço mínimo;
  4. A importação do preço mínimo SOMENTE pode ser realizada, após ter sido executada a importação das tabelas de preços;
  5. Para importação do preço mínimo, primeiro gere uma planilha de preços; edite os títulos das colunas das tabelas de preços incluindo a palavra Minimo para diferenciar; e preencha essas colunas com os respectivos preços mínimos;
  6. Ao subir a planilha, marque o botão de opção Preço Mínimo.
  7. Sempre utilize o ambiente de testes para simular a importação (https://implantacao.erpflex.com.br/).
  8. Realize uma simulação com apenas 5 registros, antes de importar efetivamente. Caso ocorra algum erro, ficará mais fácil a exclusão e correção.

Gerando a planilha para importação das tabelas de preços

  1. Em Miscelânea > Ferramentas Suporte > Importação de Dados, clique no botão Opções.
    importa_preco_01
  2. Clique no botão Gerar abaixo do titulo Planilha para atualização de tabelas de preços.
    importa_preco_02
  3. Se necessário, desmarque os tipos de produtos que não deseja gerar na planilha.
  4. Clique no botão Gerar para fazer o download da planilha.
    importa_preco_03

 

Importando a planilha das tabelas de preços

Após o preenchimento da planilha, realize a importação selecionando a opção correspondente na tela de Assistente de Importação de Dados.

  1. Acesse Miscelânea > Ferramentas Suporte > Importação de Dados
  2. Marque o botão de opção Tabelas de Preços e clique em Avançar.
    importa_preco_04
  3. Marque a caixa Primeira linha do arquivo contém os títulos das colunas e, em seguida, clique no botão Selecionar e localize a planilha no formato CSV separado por vírgulas.importa_preco_10
    Será exibida uma nova janela para seleção das colunas para importação.
  4. Marque as tabelas de preços que devem ser atualizadas.
    importa_preco_06
  5. No campo Importar Valores para, exibido na parte inferior da janela, marque o botão de opção Preço.  Clique no botão Avançar para processar a importação.
  6. Ao final do processo, será exibida a janela de conclusão.
    importa_preco_07.

Importando a planilha com preço mínimo

Somente após importar a planilha de preços., será possível executar a importação do preço mínimo, observando as orientações passadas no início desse tópico.

  1. Acesse Miscelânea > Ferramentas Suporte > Importação de Dados
  2. Marque o botão de opção Tabelas de Preços e clique em Avançar.
    importa_preco_04
  3. Marque a caixa Primeira linha do arquivo contém os títulos das colunas e, em seguida, clique no botão Selecionar e localize a planilha no formato CSV separado por vírgulas.
    importa_preco_05
    Será exibida uma nova janela para seleção das colunas para importação.
  4. Marque as tabelas de preços que devem ser atualizadas.
  5. No campo Importar Valores para, exibido na parte inferior da janela, marque o botão de opção Preço Mínimo.  Clique no botão Avançar para processar a importação.
    importa_preco_08
  6. Ao final do processo, será exibida a janela de conclusão.
    importa_preco_09